"Si Ia rencontre du cinéma comme art ne se passe pas à I'école, il y a beaucoup d'enfants pour qui elle risque fort de ne se passer nulle part".

"Se o encontro com o cinema como arte não acontece na escola, para muitas crianças corre-se o risco talvez dele não acontecer em parte alguma".
Alain Bergala

A presença do Cinema no currículo da Escola Carlitos reafirma verdadeiramente o respeito da instituição pela sétima arte, já expresso em seu nome.

aprendiz de cinema 1

O projeto Aprendiz de Cinema, desenvolvido na Escola, cria as condições para que o aluno possa vivenciar o encontro com o cinema enquanto arte. Acontece em torno de atividades de naturezas diversas que propiciam o olhar crítico, o diálogo com outras formas de expressão e a experiência prática de criação cinematográfica. Todos os alunos da escola são envolvidos nessas atividades vivenciando, ao longo do percurso escolar, as diferentes maneiras de abordar o cinema e aprendê-lo.

O trabalho de educação por meio da imagem exige, necessariamente, que os alunos assistam anualmente, em salas de cinema, a pelo menos três filmes que contribuam à formação de uma cultura cinematográfica. Entende-se a sala de cinema não só como um lugar de divertimento, mas, antes de mais nada, como um espaço fundamental de experiência artística cinematográfica e, portanto, integrada às finalidades da escola no desenvolvimento de uma pedagogia da educação pela imagem. O objetivo é que o aluno seja capaz de exercer um olhar crítico e reflexivo ao compartilhar a alegria criadora dos cineastas num espaço coletivo.

Além de ver filmes, os estudantes realizam experiências cinematográficas, que estimulam o gesto criativo de fazer cinema. Criam pequenos filmes de animação, o que propicia o conhecimento de diferentes técnicas e a descoberta da mágica das imagens em movimento. Realizam curtas metragens, e assim vivenciam um processo de trabalho de caráter internacional, desenvolvido pelo projeto Le cinéma, cent ans de jeunesse ("O cinema, cem anos de juventude"), criado pelo Departamento da Cinemateca Francesa para estudos sobre educação em cinema. Dessa experiência participam trinta escolas de onze países, compartilhar a construção de uma pedagogia da arte cinematográfica, que pode ser desenvolvida em qualquer escola.

Ao lado do processo de análise e produção de filmes, os alunos, com base das observações e reflexões sobre as várias criações artísticas, percebem relações entre a cinematografia e outras artes, construindo outros trabalhos. Dentre eles, elaboram exposições relativas ao cinema e, anualmente, constroem um livro, com uma história já expressa num filme. Contam em linguagem literária, com palavras ilustradas, o que um realizador excelente contou com imagens em movimento. Processo esse que provoca reflexões cinematográficas e literárias e, portanto, diversas aprendizagens.

As criações dos alunos relacionadas ao cinema tornam-se públicas normalmente em encontros anuais na Cinemateca Brasileira e Francesa. Nesses momentos, os diálogos entre diversas gerações a abordar a arte cinematográfica nas falas sobre realizadores, filmes, cenas, planos, revelam a riqueza do cinema em qualquer tempo e lugar.

    camera claquete AC         camera - AC

  • Unidade I 
  • Rua Conselheiro Brotero, 832.
  • CEP:01232-010 - São Paulo - SP
  •  +55 11 3662-9591
  • ver mapa
  • Unidade II
  • Rua Itápolis, 463.
  • CEP: 01245-000 - São Paulo - SP
  • +55 11 3661-8284
  • ver mapa

        Facebook Escola Carlitos

Escola Carlitos - 2013 © Todos os direitos reservados. Produzido por: Plyn